11/12/13

GUIA PARA COMER FORA


Um dos maiores receios de quem adopta este estilo de vida é comer fora ou em casa de amigos. De inicio parece um bicho de sete cabeças e dá vontade de hiperventilar "Ai que vou ficar sem vida social... Ai que não sei o que vou comer" ... não vale a pena. Na verdade é bastante simples (temos a vida bem mais facilitada que os Vegans). Vamos por partes...


NO RESTAURANTE:

Primeiro que tudo toca a mandar o couvert embora. A vossa carteira agradece porque é aqui que muitos restaurantes carregam. No geral só serve para vos tirar a fome e depois ou não acabam o prato principal ou comem demais. Aguentem um bocadinho que até vos sabe melhor a comida.
Se a vossa companhia não o quiser mandar embora (até parece que nunca comeram pão na vida, essa raridade exótica) optem por umas azeitonas, uns enchidos, ou no limite um queijo seco. De evitar definitivamente o pão, salgadinhos, patés, queijos creme e afins (esses nunca sabemos bem do que são feitos... nem quem os faz sabe).

De seguida selecciona-se a Proteína. Como sabemos (porque todos lemos atentamente a NUTRIÇÃO) é a parte mais importante da refeição. Pomos imediatamente de lado os arrozes disto, massadas d'aquilo, isso é comida de fim de semana. Ignorar tudo o que leve molhos elaborados (no geral estão cheios de natas e quase sempre açúcar, o "ingrediente secreto" de quase todos os cozinheiros). Portanto carne, peixe ou marisco, vale tudo, desde que seja grelhado, cozido, assado ou frito em azeite (sem ser panado, não se esqueçam do pão ralado), quanto mais simples melhor.

O acompanhamento é onde têm de ser chatos. Recusem batatas ou arroz e peçam para substituir por salada ou vegetais (cozidos ou fritos em azeite, nada de óleos vegetais). Perguntem sempre que vegetais vão servir, eles podem não saber que animal mitológico é esse e acabam com uma travessa de milho doce e ervilhas (a Carla sabe do que estou a falar).
Para beber água, vinho tinto, um chá ou sumo de frutas feitos na hora e sem açúcar. Nada de sumos de pacote ou refrigerantes, até os light. Cerveja e vinho branco também são de evitar.

A sobremesa é o mais simples. Nada ou fruta. Certifiquem-se de que é fresca e não em calda, ou com açúcar adicionado.

Vão descobrir que têm muito mais opções do que julgam, desde um bife ou posta de peixe grelhada com salada e/ ou vegetais, a umas Iscas de cebolada, um Cozido Portuguesa (basta não comer a batata e o arroz, o resto vai), um bacalhau ou polvo à lagareiro (se estiverem a tentar ganhar massa muscular podem atacar uma ou duas batatas à murro de vez em quando) ou até mesmo um leitão da Bairrada... desde que seja com salada até a pele podem comer!

Claro que estamos a falar de um restaurante normal! Dificilmente se vão safar num chinês (quase todos os molhos levam açúcar ou molho de soja), numa pizzaria ou num sushi (a não ser que seja buffet e aí é sashimi com ele até lhes dar prejuízo).


FAST FOOD:

O bicho papão do Paleo... mas temos alternativas. O nosso melhor amigo? O pseudo-Brasileiro de grelhados tipo Chimarrão. Dá sempre para pedir um pratão de carne grelhada com salada e alguns até já têm opções com fruta ou um extra com um ovo estrelado.

Em alternativa as hamburguerias tipo H3. Basta escolher um hambúrguer sem pão ou molhos (grelhado ou frito em azeite, tanto faz) e acompanhar com salada temperada com azeite e vinagre. Um Benedict sem molho, acompanhado com salada e um chá frio sem açúcar é boa onda.

Temos também os de saladas, tipo Vitaminas. Aqui nada de "base" de massa, isso não é salada... é massa. Escolham os ingredientes com juízo e temperem com azeite e vinagre. Maionese de alho por cima é a morte do artista.
Costumo pedir base de alface e rúcula com 5 ingredientes e carrego na proteína para não ter fome. Frango, tomate seco, salmão e camarão a dobrar (conta como 2 ingredientes), temperados com azeite e vinagre.

Se não der para fugir até no MacDonalds dá para minimizar o estrago. O menos mau será uma salada com frango grelhado ou atum, sem croutons e temperada com azeite e vinagre (embora eu desconfie que o frango deles nunca teve penas na vida).
Em opção (mas com tortilhas à base de trigo infelizmente) um (ou dois no meu caso) wrap de frango grelhado com bacon, sem molho, temperados com uma garrafinha de azeite e vinagre.

EM CASA DE FAMÍLIA OU AMIGOS:

Aqui a coisa complica. Se já tiverem confiança com quem vos convidar podem sempre tentar direccionar a ementa para que seja simples adaptarem. Aqui refiro-me a amigos próximos, ou quem come com alguma regularidade em casa de familiares. Só vão ter de resistir às batatas fritas que o pai está comer enquanto se atiram à vossa salada... pelo menos a costeleta de novilho é igual, isso é que importa.
Senão tentem adaptar vocês. As regras são as mesmas do Restaurante, tentem driblar os acompanhamentos e optem pelo que estiver mais próximo das regras.

No entanto, o meu conselho sincero é não serem Paleo Snobes!!! Se for um jantar em casa de amigos e houver arroz de marisco... comam o arroz de marisco, comam a sobremesa e bebam um gin com o anfitrião, um dia não são dias (atenção à expressão... UM DIA não são DIAS) fica depois do vosso lado compensar e não abusar no fim de semana por exemplo. É para isso que serve o DIÁRIO ;)



2 comentários:

HPPC disse...

Olá!
Tenho uma dúvida quanto a este guia sobre comer fora. E os lanches (manhã/tarde)? Ou seja, que comer numa pastelaria, cafetaria...? É que aqui só há pão, pão de leite, empadas, torradas, bolos, meis de leite.. há café, ok, mas e para morder?
Obrigada!!
Helena

Sem Aditivos disse...

Que fácil de responder HCCP... NADA!!! As belas Cafetarias/ Pastelarias à Portuguesa são um verdadeiro buraco negro do Paleo onde só são permitidas 3 coisas... água, água das pedras (sem sabores) e café (sem açúcar nem adoçante, só canela se houver, hehehehe).
Se começares a comer assim com regularidade e não tiveres medo das quantidades (dentro das regras é preciso comer bem, nada de sentir fome) e das gorduras boas, passados 15 dias mais ou menos vais deixar naturalmente de ter fome a meio da manhã. A meio da tarde inclusive eu só lancho se for treinar, é conveniente comer alguma coisa 30 a 60 minutos antes. Se quiseres mesmo lanchar não é no café, ou trazes de casa qualquer coisa, ou vais antes a uma frutaria ;)

PUBLICIDADE EXTERNA

Os anúncios em baixo são de publicidade externa e da inteira responsabilidade da Google AdSense, sem qualquer patrocínio do Sem Aditivos.